Locais Interessantes em Recife - parte 3

Fundação Gilberto Freire
Hoje funcionando como museu, a casa da Fundação Gilberto abriga o legado intelectual do mestre Apipucos, produzido e reunido pelo mesmo.
Endereço: Rua Dois Irmãos, 320 – Apipucos.




Igreja do Carmo              
Nossa Senhora do Carmo é a padroeira do Recife desde 1919, sua construção foi finalizada em 1767 em terras do antigo Palácio da Boa Vista e executada por Maurício de Nassau, por isso é em estilo barroco. A imagem da santa pode ser contemplada em tamanho natural no altar da basílica, além da pinacoteca no anexo da igreja, com pinturas do século XVIII.
Endereço: Avenida Dantas Barreto, s/nº - Santo Antônio




Mercado de São José
O Mercado de São José foi inaugurado em 1875 e possui a mesma arquitetura neoclássica dos mercados europeus da época. Trata-se de um dos principais mercados públicos municipais. Seus boxes abertos diariamente, 542 no total, possuem uma imensa diversidade de produtos e serviços: roupas, frutas, carnes, folhetos de cordel, produtos de umbanda e candomblé, jogos de búzios e tarô e muito mais. E tem mais: pra quem quer uma fotografia de recordação, tem os tradicionalíssimos fotógrafos “lambe-lambe”, já quase extintos.
Endereço: Praça Don Vital, s/nº - São José.


Oficina de Cerâmica     
Integrar a natureza com as obras do mestre da Várzea, este é o cenário desta oficina de 15 mil metros quadrados. O artista que dá seu nome à oficina misturou, logo no pátio de entrada, totens, lagos e colunas, dando forma a uma arquitetura harmoniosa. São cerca de duas mil esculturas, pinturas e cerâmicas espalhadas por todo o local.
Endereço: Propriedade Santos Cosme e Damião – Várzea.




Parque da Jaqueira
O Parque da Jaqueira se destaca pela grandiosidade das coisas. Pista de cooper de 1.000 m, ciclovia de 1.100 m, pista de bicicross de 400 m, pista de patinação de 600 m. Localizado em área nobre, diversos eventos são realizados em seu interior, que também abriga a Capela de Nossa Senhora da Conceição, em estilo barroco. Essencial para quem quer manter a forma, quem é adepto a esportes radicais. Possui ainda diversas árvores frutíferas e ornamentais, playground, área verde e vários jardins projetados pelo paisagista Carlos Belani.
Endereço: Avenida Rui Barbosa.

Ponte Limoeiro              
Através da ponte Maurício de Nassau, a primeira ponte em grandes dimensões do Brasil,erguida pelo governante do Brasil Holandês de mesmo nome em 1644, podemos vislumbrar a paisagem do Rio Capibaribe e sobre o seu leito as pontes 12 de Setembro (construída no local da primitiva ponte Giratória), Buarque de Macedo e, já no extremo norte da ilha do Recife, a ponte do Limoeiro (por onde passavam os trilhos da estrada de ferro do Limoeiro).
Endereço: Centro de Recife.

Praça de Apipucos         
Na Praça de Apipucos, encontramos um dos mais conservados conjuntos arquitetônicos que, com sua igreja e o açude a formar um grande lago, bem retratam a paisagem característica das povoações localizadas na zona rural do Recife do século XIX.



Recife Antigo   
A capital pernambucana está em constante efervescência, assim como o ritmo que a consagrou – o frevo, capitaneada pela revitalização do Bairro do Recife, área onde teve início a formação da cidade. Uma das maiores realizações do então prefeito do Recife, Jarbas Vasconcelos, foi a revitalização do Recife Antigo. Com apoio da iniciativa privada, os casarões do século passado foram restaurados, assim como o calçamento, a iluminação e o ajardinamento, sem desrespeitar a arquitetura e a tradição do bairro. O local foi tombado e elevado à condição de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, para nascer com um novo conceito em matéria de serviços, comércio e lazer, abrigando em casarões centenários um complexo de bares, boates, galerias e casas de show. O bairro foi refúgio dos primeiros judeus a chegarem à América e o maior centro econômico de Pernambuco até o início do século. De portas abertas todos os dias da semana, com muitos restaurantes abrindo para almoço, o Recife Antigo é o point da juventude nas sextas e sábados à noite e uma ótima pedida de happy-hour para executivos do centro de Recife. O bairro também oferece aos visitantes a oportunidade de se ter uma bela visão das pontes que cruzam o Capibaribe, por onde são realizados passeios de catamarã à noite ou de dia, saindo do Marco Zero.

Teatro Santa Isabel       
Em homenagem à princesa Isabel, nasce em 18 de maio de 1850 mais um teatro em Recife, em estilo neoclássico: Teatro Santa Isabel. A riqueza impera no seu interior, com seu salão nobre, espelhos de cristal, jarros franceses e telas do pintor Murilo La Greca. Mas você não pode deixar de ver um objeto em especial, o único móvel original: um piano no palco que escapou do incêndio de 1869.
Endereço: Praça da República, s/n, Santo Antônio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário